Projeto “Sala de Espera” traz empoderamento e cuidado para as mulheres


Por Ascom em 5 de março de 2020

Leveza, empoderamento e autoestima marcaram a manhã desta quinta-feira (5/3) na Sede I da Defensoria Pública de Minas Gerais em Belo Horizonte. Quem passou pela sala de espera do Setor de Atendimento encontrou um ambiente alegre e festivo, com a presença do Quarteto de Cordas da Polícia Militar de Minas Gerais e das alunas do curso profissionalizante de maquiagem do Senac, parceiros na iniciativa.

A atividade, que abriu a retomada do projeto “Sala de Espera”, de educação em direitos da Defensoria mineira, foi promovida em celebração ao Dia Internacional da Mulher (8 de março), com o objetivo de homenagear as mulheres e levar boas energias para que continuem na luta pela manutenção de direitos já consagrados e pela conquista de outros, tão necessários ainda.

Acompanhado pela filha Ana Laura e pela equipe feminina da Defensoria-Geral – subdefensora-geral, chefe de gabinete, assessoras e coordenadoras -, o defensor-geral, Gério Patrocínio Soares, deu as boas-vindas às pessoas presentes e reafirmou a missão da DPMG.

“Temos o compromisso de levar o Direito a todas as pessoas e atender as mulheres engrandece nossa Instituição. Nosso objetivo é oferecer um serviço de qualidade e com dignidade para vocês. Somos servidores públicos e estamos aqui para atendê-los”, afirmou Gério Patrocínio.

O DPG agradeceu a confiança dos assistidos na Defensoria Pública e destacou que a Instituição está aberta a sugestões que visem a melhoria dos serviços oferecidos.

Defensor-geral: “humanização do atendimento e aproximação com os assistidos”

A coordenadora de Projetos, Convênios e Parcerias, Michelle Lopes Mascarenhas Glaeser, parabenizou as mulheres e informou que a equipe do Senac ficaria disponível durante toda a manhã para maquiar e dar dicas de automaquiagem para quem tivesse interesse.

Michelle Mascarenhas agradeceu à Polícia Militar, ao Senac, à Associação das Defensoras e dos Defensores Públicos de Minas Gerais (ADEP-MG), parceiros da iniciativa, e à defensora pública Eliane Medeiros, gestora do projeto.

A defensora pública Eliane Medeiros desejou um “bom dia especial” para as mulheres e lembrou que o Dia Internacional da Mulher não é uma data de comemoração e sim, de luta.  “A mulher vive 365 dias por ano lutando contra o preconceito de gênero, o feminicídio e diversos tipos de violência, como doméstica, intrafamiliar, sexual, psicológica e outras mais”, disse.

Eliane Medeiros finalizou incentivando as mulheres a não aceitarem nenhum tipo de violência e reafirmou que a Defensoria Pública de Minas Gerais está de “portas abertas para acolher e atender as mulheres”.

Música e autoestima

Na sequência das falas de saudação, o público presente pôde apreciar a bela apresentação musical e aproveitar a maquiagem do Senac.

“Carinhoso”, de Pixinguinha; “She”, de Elvis Costello; e “Fascinação”, que ficou famosa na voz de Elis Regina, foram algumas das 12 canções executadas pelo Quarteto de Cordas da PMMG, integrado pelo sargento Guedes, pelos cabos Vanderlei e Marcenes e pelo soldado Douglas.

Manoela Dias e José Carlos Silva, que vieram à Defensoria para resolver uma questão relacionada à pensão alimentícia, ficaram surpresos pela a forma com que foram recebidos.

“Eu imaginava um ambiente totalmente diferente, até achei que estava no lugar errado. Para a gente que vem resolver um problema e já chega preocupado é muito legal encontrar esse clima de cuidado e atenção”, afirmou Manoela.

José Carlos e Manoela

Aos 55 anos, a assistida Márcia da Silva recebeu uma maquiagem profissional pela primeira vez. “Achei tudo muito suave. A gente chega nos lugares e só tem falação. Gostei muito mesmo”, disse.

Márcia da Silva

Vinte e três alunas do Senac maquiaram 65 mulheres. Elas estavam acompanhadas pela instrutora Marina Peixoto Gontijo, que considerou a ação “sensacional”. Para ela, além de ser oportunidade de prática para as alunas, o momento favoreceu o “respeito à diversidade e ao empoderamento das mulheres”.

Muitas servidoras da Defensoria também participaram, aproveitando a música, o momento de relaxamento e a maquiagem.

A auxiliar de limpeza Maria Aparecida Martins Silveira foi uma delas. “Nunca tinha maquiado antes. Estou gostando muito. A música também achei maravilhosa”, falou.

Cida aproveitou o momento para relaxar e receber uma maquiagem profissional

Há 12 anos trabalhando na DPMG, a servidora Carla Araújo Lima disse ter achado a “experiência muito bacana para fortalecer a autoestima das mulheres, ainda mais nesses tempos de tanta violência contra elas”.

A servidora Carla acompanhada pela aluna do Senac Maria Beatriz

Todos os parceiros do evento – Polícia Militar de MG, Senac e ADEP-MG – participaram de forma voluntária.

Equipe do Senac

Quarteto de Cordas da PMMG

As próximas edições “Sala de Espera” acontecem nos dias 10, 11, 17, 18 e 24 de março, às 8h30, na sala de espera da Sede I da DPMG na Capital, localizada na Rua dos Guajajaras, 1.707, Barro Preto. Confira abaixo a programação.



Calendário de cursos e eventos

<< dez 2020 >>
dstqqss
29 30 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31 1 2