Missão | Visão | Valores

Comunicação pacificadora é tema da 2ª live da Semana da Defensoria. Vídeo está disponível no canal da DPMG no Youtube


Por Ascom em 18 de maio de 2021

Não existe um caminho para a paz. A paz é o caminho”.  O pensamento do líder pacifista indiano Mahatma Gandhi, citado pelo juiz de Direito do TJMG, Haroldo Dutra Dias, ilustra bem a palestra “Comunicação Não Violenta”, proferida pelo magistrado nesta terça (18/5), durante as atividades promovidas pela Defensoria mineira em celebração à Semana da Defensoria Pública.

Ao abrir o evento e apresentar o palestrante, a defensora pública Francis Coutinho, coordenadora do Projeto Mediação de Conflitos no Ambiente Escolar (Mesc) “Paz em Ação”, salientou a importância do tema, que “é caro à Defensoria Pública e à Justiça”.

“Cada vez mais, é necessário atentar ao sentimento e à escuta do outro e deixar de lado nossas crenças limitantes. E, nesses tempos de pandemia principalmente, os conflitos devem ser trabalhados sob os pilares da tolerância e da empatia”, observou Francis Coutinho.

Defensora pública Francis Coutinho e o juiz Haroldo Dutra Dias, que é coordenador Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejus) de Contagem

Comunicação pacificadora

Haroldo Dutra Dias falou sobre comunicação pacificadora. Destacou que a violência é um mal, uma erva daninha que pode acometer qualquer pessoa. Segundo ele, a violência é a primeira ferramenta que dispomos ao ter um problema e, apesar de seu uso ter impacto e gerar a impressão de solucionar o conflito, na maioria das vezes agrava o problema a médio e a longo prazo, e pode deixar efeitos devastadores.

“A violência atua somente na superfície, não atua nas relações sociais e na solução dos conflitos”, afirmou.

O magistrado explicou que a comunicação pacificadora não é aquela que evita o conflito, mas sim o encara nas suas raízes. “O conflito precisa ser visto e diagnosticado. Comunicar de forma pacificadora é estar comprometido com a solução construída. Isso traz responsabilidade social e pacificação social”, destacou Haroldo.

Ele ressaltou que a paz é, sobretudo, um instrumento de solução de conflitos e se alimenta da justiça, no sentido de equidade.

Conversando com o público que o assistia, Haroldo Dutra falou ainda sobre alguns princípios básicos que devem ser buscados para uma comunicação voltada para a pacificação e a solução de conflitos.

A palestra está disponível no canal da Defensoria Pública no YouTube. Para assistir, clique aqui.

Semana da Defensoria

A programação da Semana da Defensoria continua até a sexta-feira (21/5).

Nesta quarta-feira (19/5), data em que se comemora o Dia Nacional da Defensoria Pública, serão duas lives.

Às 10 horas, a jornalista Larissa Carvalho, repórter da Rede Globo e palestrante, vai falar sobre maternidade, superações de frustrações e organização da rotina familiar.

Às 19 horas, a live será com o Padre Fábio de Melo, que vai abordar “Motivação e superação em tempos difíceis”.  Natural de Formiga, no Centro-Oeste de Minas Gerais, Padre Fábio de Melo é sacerdote católico, palestrante, cantor, compositor, poeta, escritor, professor e apresentador. Atualmente atua na Diocese de Taubaté em São Paulo.

As lives são abertas para o público em geral. Basta acessar o canal da DPMG no YouTube (www.youtube.com/c/defensoriamineira).

Para ver a programação completa da Semana da Defensoria Pública, clique aqui.

Alessandra Amaral – Jornalista DPMG



Calendário de cursos e eventos

<< out 2021 >>
dstqqss
26 27 28 29 30 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31 1 2 3 4 5 6